A importância de metas para indivíduos e empresas


21 dez de 2017

De modo simplificado, uma meta pode ser definida como uma orientação de curto a médio prazo que direciona a condução de ações. Metas são relacionadas a objetivos, os quais, no geral, estão associados ao longo prazo e advém de uma atividade de planejamento, seja ele estratégico, tático ou operacional. Colocado de outro modo, metas representam o desdobramento de um objetivo em partes menores, as quais devem ser acompanhadas no dia-a-dia.
Na vida dos indivíduos as metas têm um papel desafiador e motivador. Correr 50 metros além da corrida do dia anterior, perder 10 Kg, reduzir as despesas em 15%, são exemplos de metas aplicadas no contexto da vida de indivíduos. Estas metas estão associadas a objetivos maiores, sejam eles: aumentar a qualidade de vida ou prover saldo positivo financeiro a cada mês.

Quando se analisa a aplicação de metas no contexto das empresas, nota-se que elas também possuem um caráter desafiador e motivador, porém de uma forma mais coletiva. É muito comum encontrarmos metas do tipo: aumentar a produtividade em 20%, diminuir o retrabalho em 5%, reduzir o lead-time em 1 dia, entre outras. Estas metas também se relacionam a objetivos maiores, por exemplo, reduzir o custo dos produtos e serviços, melhorar a qualidade e reduzir o tempo de entrega.

Desta forma, fica claro, tanto para indivíduos, quanto para empresas, a importância das metas como fonte de motivação, o que, por sua vez, conduz à excelência e aumento do comprometimento para consecução dos objetivos de longo prazo. É fundamental destacar-se a importância de um bom planejamento para uma adequada definição de objetivos e metas, consistentes com os resultados desejados.

Invista em você e em sua equipe, organize-se, planeje suas ações e faça com que conceitos e ferramentas pró-ativas façam parte do seu dia-a-dia na busca de melhores resultados. Capacitação e conhecimento são ferramentas indispensáveis para o sucesso organizacional.

José Henrique de Andrade